Os Segredos da Autoconfiança em 5 Etapas 4/5

Este é o quarto artigo desta série de 5 que te vai ajudar a desenvolveres a autoconfiança. Podes ver os últimos 3 artigos AQUI.

Este quarto artigo tem por título:
 

4- Buda & a Vida em Consciência

 

A próxima etapa para melhorar a autoconfiança, consiste em conectares-te contigo próprio no momento presente.

Durante o dia e tantas vezes quanto te for possível, para um pouco e toma consciência do teu corpo, daquilo que ressentes e dos teus pensamentos, nesse preciso momento.

 Transforma-te num observador de ti mesmo.

Esta ação simples, vai permitir-te uma reconexão com o momento presente. É aquilo a que chamamos “a consciência plena”.

Já vimos no primeiro artigo desta série, que a falta de autoconfiança, está ligada a experiencias negativas do passado.

Assim, quando te reconectas com o presente, abres a porta a novas potencialidades!

Buda tem um dos mais sábios ensinamentos acerca deste conceito:

 

Não demores no passado. Não te percas no sonho do futuro. Concentra o teu espírito no momento presente.

– Buda

 

 

Não percas o próximo e ultimo artigo desta série: 5 – Mandela & o Otimismo na Vida.

Forte abraço!
 

Os Segredos da Autoconfiança em 5 Etapas 3/5

Nos últimos dois artigos desta série de 5 (que podes ver AQUI) falei-te de tomada de decisão e responsabilidade e visão e motivação


Hoje vou falar-te sobre pequenos passos para atingires grandes mudanças.

Este é então o terceiro artigo desta série de 5 e tem por título:

3- Gandhi & Pequenos Passos para Grandes Mudanças




Agora que já decidiste mudar a situação e que sabes porque o queres fazer, só te resta passar á ação!

De facto, apenas a passagem á ação de vai trazer resultados!

Atenção, não deves aqui fixar objetivos irreais nem demasiado elevados, estamos a falar das ações diárias. Pensa grande sim! Mas começa com pequenos passos. O importante agora é seres consistente e perseverar.


“Sê a mudança que queres ver no mundo”
– Gandhi

 

 

 

Todos os dias faz algo novo, algo diferente que te faça sair da tua zona e conforto.


Mais uma vez, faz com que estes pequenos desafios sejam exequíveis. Com a repetição diária, esta nova ação vai ser cada vez mais fácil. É assim que vais alargar a tua zona de conforto!


Recomeça uma nova ação que te faça sair da tua zona de conforto, até que essa ação fique fácil de fazer.



“Pouco importa a velocidade a que avanças, desde que nunca pares.”
– Confúcio

 

Não percas o próximo artigo desta série: 4- Buda & a Vida em Consciência.

Forte abraço!