Os 5 Pilares para uma Vida Extraordinária

Todos podemos ter uma vida extraordinária. Esta vida não é apenas reservada aos grandes deste mundo, aos mais influentes e aos mais afortunados.

Seja qual for o teu nível de estudos ou as tuas origens tu também tens a possibilidade de mover montanhas, a capacidade de levar a cabo grandes projetos e de mudares as coisas á tua volta.

Agora, não esperes ganhar a lotaria, teres mais idade ou libertares-te da educação dos teus filhos para teres a vida que queres ter. Decide desde já e começa a colocar em prática numa base diária as estratégias que te vão conduzir a essa vida.


É importante que te apoies nos 5 pilares principais, que os desenvolvas ao longo do tempo, para que todos os teus projetos se realizem e que a tua vida seja extraordinária, principalmente aos teus olhos.

Pilar nº1:

Ter uma visão clara e precisa em função da tua identidade profunda e anunciá-la sob a forma de um projeto.

Para teres uma vida extraordinária é necessário agires, iniciar os teus projetos, sem esperar que os outros decidam isso por ti e sem teres receio que te julguem.

 

Como definir então um projeto que te corresponda e te permita sentires que estás vivo(a) ?

Para começar deves sair da tua visão puramente quotidiana, da tua rotina e questiona-te sobre quais são os teus desejos mais profundos, quais são as áreas que te apaixonam, qual é a atividade que te dá mais prazer. Neste estádio não te preocupes com as tuas circunstâncias atuais, sob risco de te autolimitares.

A partir dos teus desejos profundos, vais definir um objetivo. Este objetivo estará então perfeitamente adequado com a tua personalidade e ancorado à tua identidade profunda.

Porque é isto importante?

Porque quando ages de acordo com a tua personalidade profunda, desenvolves uma visão clara e precisa daquilo que queres atingir na vida.

 

Agora deves escolher um projeto que sirva os teus objetivos. Um projeto que te vai permitir agir sobre os teus desejos e sobre aquilo que queres para ti.

No meu caso escolhi este: O MEU PROJETO

Podes optar pelo mesmo, ou podes usar qualquer outro que te seja favorável e aches que te vá servir de veículo.

De seguida, anuncia o teu projeto sob a forma de uma frase curta, positiva, esta servir-te-á de guia ao longo das tuas ações.

Agora que já definiste o teu projeto, deves agir para que este se realize.

Eis a estratégia que te proponho…

Pilar nº2:

Definir uma estratégia sob a forma de vários objetivos


A tua visão é o fio condutor. Vais dividi-lo em objetivos a longo prazo, ou seja num horizonte de um ano. Depois este objetivo de 1 ano vais decompô-lo por sua vez em objetivos a médio prazo (3-4 meses). E por fim divides os objetivos a medio prazo em objetivos a curto prazo (3-4 semanas).

Para que o teu projeto avance é absolutamente necessário teres ações concretas sobre as quais possas agir, estas ações são os objetivos a curto prazo. Tais como fazeres o teu registo AQUI para teres acesso ao veículo que te vai permitir atingires os teus objetivos a médio prazo.

Uma vez que tenhas atingido todos os objetivos a curto prazo (as démarches necessárias para começares). Vais começar a aproximares-te dos objetivos a médio prazo (que podem ser por exemplo adquirir certas competências). Assim depois de atingires um desses objetivos a médio prazo, estarás cada vez mais perto do teu objetivo final!

Simples não?

 

(Se queres saber mais sobre definir objetivos podes ver AQUI)

Com esta estratégia, vais agir sobre o quotidiano para o teu projeto de vida. No entanto, um dos grandes obstáculos com que as pessoas por vezes se deparam é a falta de motivação contínua.

Pilar nº3:

Colocar em prática hábitos de vida para estar motivado no quotidiano e a longo prazo.

Esta motivação acontece através de se colocar em prática hábitos de vida.

E como se cria?

Primeiro deves definir quais os hábitos que precisas para que o teu projeto avance. Pode ser por exemplo escrever um artigo por dia no teu blog se desejares viver da Internet e seres financeiramente livre, ou ainda treinares todos os dias para participares de uma maratona.

 

Sugiro-te ainda que pratiques este novo hábito durante 30 dias a fio, por forma a mecanizares esta ação até se tornar natural para ti.

Os hábitos de vida permitem lutar contra as quebras de motivação e a procrastinação. Agem como potentes lembretes da mente.

A motivação é não só um fator interno, mas pode igualmente ser aniquilada por acontecimentos externos ou pessoas. Daí a importância de te rodeares das pessoas certas.

Pilar nº4:

 

Constituir um círculo social que te puxa para cima e te ajuda a tingires os teus objetivos.

O teu círculo social deve ser um trunfo a teu favor para avançares no teu projeto de vida. Se te rodeias de pessoas pessimistas ou negativas, vais tu também perder confiança e até tentares convencer-te que o teu projeto não é exequível.

Ao contrário disso, as pessoas positivas, alegres, que já têm o sucesso que procuras na realização do teu objetivo de vida, vão envolver-te com a sua motivação e até ajudar-te a ires avante na realização dos teus objetivos.

Rodeia-te destas pessoas. Se não tens ninguém assim no teu círculo, desenvolve novas conexões, foi o que eu fiz com o meu grupo de trabalho. Vais literalmente beber otimismo e dinamismo!

Acredita no que te digo…vale a pena!


Pilar nº5:

Passa à ação no quotidiano fazendo várias pequenas tarefas, em vez de o fazeres raramente numa tarefa maior.

Por fim, um conselho que queria partilhar contigo hoje, é que deves tomar ação nem que seja um pouco todos os dias em vez de tomares uma grande ação apenas de vez em quando.

Porquê?

Começas um projeto, estás completamente entusiasmado(a), lanças-te de corpo e alma. Depois, vem o primeiro grão de areia, começas a duvidar de ti e abandonas.

A boa estratégia, não é lançares-te numa tarefa quase impossível para ti por enquanto, que ainda não tens as competências todas necessárias. Deves inicialmente agir sobre as pequenas ações simples, concretas e fáceis de realizar.

Por isso te falei antes de teres diferentes pequenos objetivos, para depois chegares aos médios e por último ao principal. Só assim terás uma estrutura coerente: sabes que tal ação, por mais pequena que seja corresponde a tal objetivo.

As pequenas tarefas não te fazem desencorajar e a sua acumulação permite realizar grandes feitos e de proporcionarem uma vida extraordinária, aquela vida que tu vais construir, que te vai dar a liberdade que tanto queres, seguindo os teus desejos mais profundos.

Mete ação agora!

Começa hoje o teu maior sonho!

Abraço amigo(a)

Olivier

Como se Concentrar: O Método Exato Para Obter Resultados

Saber concentrar-se para trabalhar naquilo que realmente importa, é o que fará a diferença nos resultados.

Embora todos estejamos conscientes de que concertar-se sobre aquilo que queremos atingir seja fulcral, poucos são aqueles que o conseguem fazer. Todos nós passámos pela experiência de trabalhar tempo sem fim numa determinada tarefa, sem por isso atingir os resultados desejados.
Eu já o fiz imensas vezes. Passava um tempo louco a realizar algo e tinha a sensação que não fazia qualquer tido de progresso.

Perguntei-me muitas vezes porque isto acontecia. Hoje vejo que não é muito complicado. O problema vinha simplesmente do facto que não sabia como me concentrar para fazer apenas uma coisa de cada vez.

A maioria das vezes, aquilo que nos impede realmente de nos concentrarmos somos nós mesmos. A falta de disciplina e de organização, constitui as causas mais frequentes da falta de concentração.

O que acontece é que, a maioria das pessoas tenta executar varias coisas ao mesmo tempo, acabando por sucumbir às distrações. (por mim falo)

Então, quando nos debruçamos um pouco sobre este tema, rapidamente conseguimos ver que é bem mais fácil do que parece.

 

A concentração é a faculdade que cria os “Super Homens”

– Victor Pauchet

 

 

 

A boa notícia é que podes mudar isso, hoje mesmo!

Neste artigo, vou partilhar contigo o método que eu uso e que me permite concentrar muito mais facilmente, conseguindo assim realizar mais coisas em muito menos tempo.

 

#1. Concentrar-se planeando o trabalho com antecedência

Se quisermos aumentar a nossa concentração, a primeira coisa a fazer é elaborar-se um plano de trabalho.

– Faz um plano do teu dia de trabalho com antecedência. Dar-te-á mais controlo sobre a tua própria vida e vai permitir-te concentrar mais facilmente, quando chegar o momento.

Esta técnica permite-me gerir mais facilmente o meu trabalho de Internet Marketer a tempo inteiro e continuar a fazer outras coisas não relacionadas com o meu trabalho.

Planifico sempre o meu trabalho numa base diária. Assim que me sento ao computador, a primeira coisa que faço é uma lista de afazeres ordenada por prioridades.

Isto permite que me organize e até que faça pausas no decorrer do trabalho, no sentido de romper com a rotina e melhorar a minha performance.

Normalmente faço uma pausa de 15 minutos a cada 90 minutos. Permitindo-me assim concentrar-me a 100% nesse período de tempo e continuar a progredir.

 

#2. Concentrar-se eliminando as distrações

Para te poderes concentrar plenamente, é primordial criares um ambiente favorável à concentração.

De facto, o maior inimigo da concentração são as distrações. Durante a tua cessão de trabalho, elimina tudo aquilo que te impede de te concentrares. No meu caso desligo as notificações do Skype, desligo o telemóvel e fecho o Facebook. São as coisas que mais me distraem, cabe-te a ti identificares as tuas distrações.

Recomendo que cries um ambiente minimalista. Deixa à mão e à vista apenas as coisas que te fazem falta para trabalhares.

 

#3. Concentrar-se fazendo um fracionamento do trabalho

Para uma melhor concentração, é importante poder medir-se o progresso do trabalho.

O melhor que há a fazer para que isso aconteça, é dividir o trabalho, fracionando-o em pequenas tarefas facilmente exequíveis.

Isto vai não somente ajudar-te a melhor te concentrares, mas também a evitar a procrastinação.

Isto é o que faço numa base diária com o meu trabalho:

Por exemplo:

Para fazer um vídeo sobre o tema xpto:

1.1 – Ler umas páginas do livro “Y” sobre o assunto
1.2 – Ouvir o áudio “Z” sobre o assunto
1.3 – Ver o vídeo “X” sobre o assunto
1.4 – Escrever o que pretendo que as pessoas sintam/façam ao ver o vídeo
1.5 – Esquematizar a mensagem por tópicos e fazer um script

1.6 – Fazer o vídeo

 

Isto é um exemplo daquilo que faço para esquematizar cada tarefa do meu dia. As pequenas tarefas que faço dentro da própria tarefa, permitem-me medir o progresso e dão-me um sentimento de que estou a avançar.

Só o facto de fazeres isto vai dar-te motivação e energia suficiente para passares à próxima tarefa.

 

#4. Concentrar-se fazendo uma coisa de cada vez

É importante que saibas, que para atingires um nível de concentração suficiente, deves fazer uma coisa de cada vez.

Todos nós temos tendência a querer fazer várias coisas ao mesmo tempo para avançarmos mais depressa. A minha experiência diz-me precisamente o contrário.

Para se progredir rapidamente, é importante que se façam as coisas uma após a outra, respeitando sempre a ordem de prioridades pré definida.

 


#5. Não pares até que a tarefa esteja realizada

Uma vez que fracionaste o teu trabalho, é importante que não pares até que este esteja 100% realizado.

Isto requer alguma disciplina e algum rigor. Mas se o conseguires fazer, vai permitir-te progredir e atingires o objetivo rapidamente.

Esta é a fórmula que eu utilizo para me concentrar e conseguir fazer o meu trabalho diário. Usando este método, um trabalho que faço hoje e me poderia levar 4 horas a fazer, daqui a 15 dias levar-me-á apenas meia hora, graças a esta mecanização 🙂

 

Espero ter-te sido útil!

Forte Abraço!