Tomar Notas: 5 Dicas Para Nunca Mais Esqueceres Nada

Tomar notas está longe de ser um sinal de fraqueza ou envelhecimento.

Muito pelo contrário, tomar notas eficazmente, é antes de mais compreender como funciona o cérebro e adotar uma estratégia para não nos preocuparmos com eventuais «esquecimentos», que possam surgir.

Tomar notas, permite-nos não deixar passar ideias e oportunidades que se nos apresentam, de forma não opinada.
O nosso cérebro é uma máquina potente e complexa, que nos pode pregar partidas.

É assim importante, compreender como funciona a «tomada de notas», e usar ferramentas exteriores, os ditos “auxiliares de memória”.

O funcionamento da memória e da tomada de notas


O nosso cérebro é solicitado no quotidiano, por um vasto número de informação mais ou menos importante. Uma informação “espanta” rapidamente outra e assim sucessivamente.
É um bombardeamento permanente. A memória imediata limita-se a alguns segundos.

Numerosas pesquisas científicas sobre o cérebro revelam que, somos capazes de reter durante alguns segundos sete itens em média. Mal se recebe uma informação e esta já foi esquecida.

Para que uma informação se “fixe” no cérebro, é necessário que um processo de tratamento de dados e de triagem tenha lugar. E isto leva tempo, implica numerosas interações entre as diversas informações.
É então inútil arrancarmos os cabelos para tentar reter tudo, e depois nos sentirmos culpados por termos esquecido algo.


Tomar notas: Uma ferramenta indispensável para nada esquecer


Memory loss and alzheimer's medical symbol

Mais vale de facto adotar um sistema de tomada de notas eficaz para libertarmos o cérebro e nos sentirmos mais concentrados em tarefas com mais valor acrescentado.

 

Aliás, diz-se que o Einstein tinha tomado nota do seu próprio número de telefone para não estorvar a sua memória e assim economiza-la para coisas mais importantes.

Do que precisamos de nos lembrar?

 

Todos os dias temos que nos lembrar das entrevistas, das reuniões, das chamadas a fazer, das respostas a dar a fulano ou beltrano, de coisas a comprar ou encomendar, etc.
São então muitas “pequenas informações” que precisamos tomar nota para nada esquecermos.

Mas são também ideias que precisamos guardar.

 

Quando trabalhas num projeto ou organizas um evento, já te deve ter acontecido surgir uma ideia quando estás quase a adormecer, ou no duche ou até a passear em família.

 

Então dizes que é uma excelente ideia e que a vais anotar assim que acordares, ou saires do duche ou regressares a casa.

 

Errado!

 

Existem fortes probabilidades de que a tua brilhante ideia tenho “ganho asas” e voado 🙂

emails

É por isso que te proponho hoje 5 dicas concretas para nunca mais esquecer nada de novo.

Dica 1: “Arma-te” de uma armadilha de ideias e informação.

ideia

Trata-se de dispores de um suporte para poderes anotar informações a reter (um numero de telefone, um nome, um encontro) ou uma ideia que possa servir ao teu projeto.

Não importa se for suporte papel ou digital. O que conta, é que integres este suporte nos teus hábitos quotidianos.

Pode parecer algo simples e conhecido de todos mas…será que o fazes?

 

Eu uso dois tipos de suporte, um caderno de capa rija e o meu iPhone. Pessoalmente esta dica simples permitiu-me nunca mais esquecer as “ideias geniais” que aparecem de lado nenhum.

Dica 2: Escolhe aplicações de smartphone fáceis de usar.


notas

Se tens o teu smartphone em permanência contigo, escolhe uma aplicação como o “Google Agenda” ou uma simples aplicação de tomada de notas.

Existem numerosas aplicações para tomada de notas, deves escolher aquela que te parece mais pratica. Acima de tudo não compliques a tua vida com ferramentas demasiado sofisticadas.

Keep it simple 😉


Para tomares notas com estas aplicações, a ferramenta deve ser adaptada à forma como habitualmente procedes. Evita seres invadido constantemente por notificações intempestivas.

Dica 3: Não negligencies as ferramentas tradicionais. Agenda, bloco de notas ou caderno.

notas

Se preferes o suporte papel, opta então por uma pequena agenda ou um pequeno bloco.

Estas ferramentas têm a vantagem de poderem ir contigo para todo o lado, sem te preocupares em carregá-los ou sincronizá-los. Apesar de ter o inconveniente de teres que ter sempre contigo uma caneta, que se pode perder facilmente.

Na era digital em que vivemos, pode ser interessante conservares um suporte papel. O facto de escreveres à mão ajuda a retenção de dados em memória.

Aconselho-te ainda a teres sempre um bloco de notas á cabeceira da cama, para assim poderes anotar as ideias que te vão surgindo de noite, mesmo que durmas com o smartphone ao teu lado.


Dica 4: Para tomares notas eficazmente, faz uma triagem regular das mesmas

notas

Anula as notas desatualizadas

 

Redefine as informações importantes em função das tuas prioridades atuais

 

Se tiveres tendência a esquecer algumas coisas mesmo tomando notas, podes adotar um código de cores para poderes identificar sempre a informação mais importante

 

Pessoalmente considero que a vida útil de uma nota que não foi nem triada nem priorizada, se situa entre 2 a 7 dias. Acima disso as notas tendem a empilhar-se numa gaveta de despejo, para finalmente de nada servir.

 

 

Dica 5: Introduz imagens nas tuas notas

sol1

 

O nosso cérebro funciona mesmo assim. É mais fácil guardar imagens em memória do que palavras ou números.

 

Não é frequente proceder-se assim, mas experimenta e verás por ti mesmo a força das imagens. Podes por exemplo numa nota escrita esboçares um desenho, ou até tirares uma foto de uma nota e afixá-la onde aches pertinente.

 

Acredita…isto muda tudo quanto a tomar notas 😉 !

Agora deixa-me dizer-te algo muitíssimo interessante…

Foram pequenas dicas destas, que serviram para que conseguisse rentabilizar o meu tempo inteligente e eficazmente e me fizeram ganhar $94.755.33 dólares no ultimo ano, trabalhando a partir de casa.

Agora, “Toma Nota” do que te digo: TU TAMBÉM PODES TRABALHAR A PARTIR DE CASA e ganhares uma pipa de massa literalmente 🙂

REGISTA-TE AQUI para adquirires o teu blog pré-configurado e fazeres parte da equipa.

Vejo-te deste lado!

Forte Abraço!

Maldito Dinheiro!

Hoje quero fazer uma abordagem um pouco peculiar sobre o dinheiro.

 

É importante por isso que leias este artigo até ao fim para interpretares corretamente a sua conotação.

 

Muitas vezes sonhamos com o momento em que temos dinheiro que chegue,

Dinheiro que chegue para “despedir o patrão”,

Dinheiro que chegue para mudar de vida,

Dinheiro para comprar uma casa noutro país ou viajar.



 

Mas quanto mais dinheiro temos, mais preocupações temos!? (será?)

Quanto mais dinheiro temos, mais compromissos assumimos,

Quanto mais dinheiro temos, mais pensamos em protegê-lo

Quanto mais dinheiro temos, mais medo temos.

 

 

A maioria das pessoas que aumenta os seus rendimentos gasta mais dinheiro. É normal! Sonharam fazê-lo toda a vida!

 

Mas quando mudamos de casa, quando começamos a ter hábitos mais caros…perdemos alguma tranquilidade.

 

Porque antes não tínhamos grande coisa a perder.

 

Mas depois de provarmos o luxo, torna-se muito mais difícil voltar à vida antiga.


A maioria das pessoas de sucesso vive com a “barriga aos saltos” de medo!


Medo de não conseguirem manter o nível de vida a que chegaram.

Medo de não conseguirem proteger as suas economias, do fisco, dos bancos, etc…

O exemplo mais flagrante é aquele das pessoas que ganham o euromilhões ou a lotaria. A maioria tornam-se depressivos e muitos suicidam-se!

 

Porquê?

 

 

Porque a maioria são pessoas simples como tu e eu. Que aprenderam durante toda a vida a contentar-se com pouco!

E a fortuna chegou de rompante. Sem que tivessem tempo de se preparar ou de a ver chegar.

E de repente querem ter tudo aquilo de que se viram privados durante toda a vida. Vivem no luxo e é claro que se habituam a ele.

O problema chega quando se apercebem as contas bancárias se esvaziam mais rapidamente que previsto…e que um dia serão obrigados a retornar à casa de partida.

 

 

É bem mais difícil comer kebab quando já se provou ostras com caviar e champanhe! 🙂

 

 

 

É mais difícil alugar um apartamento “manhoso”, quando já se viveu num hotel de 5 estrelas! 🙂

 

  

 

 

 

É por isto que vivem com “a barriga aos saltos” de medo. Medo da perda. Medo que tudo acabe.

 

E muitos empreendedores de sucesso vivem com este medo, o medo do pessoal que ganha a lotaria.

 

Queriam muito ganhar muito para serem livres…mas alguns acabam por ser ainda menos livres que antes.

 

No entanto poderiam viver de outra forma…

 

 

Poderiam investir o dinheiro e manter o nível de vida. Poderiam gerar retorno mais rápido do que o gastam.

 

O problema é que é mais difícil dizer que fazer. Quando estivemos privados de quase tudo aquilo com que sempre sonhamos durante 20, 30 ou 40 anos…e que de repente somos capazes de comprar tudo, ou quase tudo…é verdadeiramente difícil de não cometer os mesmos erros do que aqueles que ganham a lotaria.

 

Lembro-me bem de ter passado por algo semelhante quando ganhei os meus primeiros 10 mil dólares online…fiquei tão contente que em vez de os re-investir no meu negócio gastei-os todos em menos de 1 semana hehe 🙂

 
Só é possível sair deste registo mudando a forma como se vê o dinheiro!

 
Para mim tudo mudou quando comecei a olhar para o dinheiro, não como uma ferramenta para comprar coisas fixes…mas sim como uma ferramenta para comprar liberdade.

 

 

Passo a explicar:

 

Tal como todos os empreendedores que conheço, que começaram a ganhar 5, 10 ou 20 vezes acima da média sem ter havido grande transição…também me passei! É normal.

 

Comecei a almoçar e jantar fora todos os dias

Comecei a ficar em hotéis de 5 estrelas quando saia para fora

Comecei a comprar computadores novos para toda a família

Comecei a comprar smartphones topo gama

Comecei a frequentar os melhores restaurantes

 

E um dia entrei em pânico!

 

Comecei a aperceber-me que andava literalmente a “torrar” o dinheiro.

 

Foi aí que me sentei ao computador e comecei a pesquisar sobre este tema, e foi aí que encontrei o termo: “Lifestyle inflation”.  A inflação do modo de vida. Parece que é normal: quanto mais se ganha, mais se gasta. É um facto económico que se constata em todo o lado. Tanto com assalariados, como com empreendedores. Segundo as pesquisas que encontrei, não existe quase exceção nenhuma.

 

Então quanto mais se ganha, mais perigo corremos (na nossa cabeça). Pois habituamo-nos a viver melhor, habituamo-nos às extravagâncias, habituamo-nos a poder fazer quase tudo.

 

E assim sendo, o retrocesso, mesmo que seja apenas temporário, seria bem mais doloroso.

 

Então continuei a procurar e encontrei algo fantástico! Encontrei pessoas que pensam que o papel do dinheiro não é de comprar “coisas fixes”, mas sim de comprar liberdade!

 

 

E quando pensamos nisso faz todo o sentido: 100 euros a renderem 5% a prazo, rendem 5€ por anos…para toda a vida…

 

Então podemos dizer que uma nota de 100 euros é uma máquina de fabricar 5 euros por ano, para sempre. E que uma conta a prazo com 10.000 euros, é uma máquina de fabricar 500 euros por ano.

 

Finalmente, bastam 400.000 euros numa conta a prazo para gerar 1.600 euros por mês…para sempre. Isto é ser financeiramente independente certo?

 

Não rico! Mas completamente autónomo.

 

Então bastam 400.000 euros numa conta a prazo para se trabalhar unicamente por escolha, e não por obrigação. Deixamos de precisar de trabalhar para comer e habitarmos.

 

Claro que isto é um cálculo grosseiro. Tudo depende sempre de como e onde colocamos o dinheiro, da inflação e de outros parâmetros.

 

Mas normalmente estes 5% não falham muito.
Quando começamos a olhar para uma nota de 100 euros como uma máquina de fabricar 5 euros, começamos a olhar para o dinheiro de forma diferente.

 

Ao invés de servir para comprar “coisas fixes”, o dinheiro transforma-se numa ferramenta que compra anos de liberdade…

 

Isto mudou tudo para mim…

 

Peguei no meu caderno e comecei a fazer contas, comecei a calcular quanto precisava para comprar um mês de liberdade…um ano de liberdade…

 

E defini um objetivo, que foi certamente o melhor da minha carreira de Internet Marketer: Limitar as minhas despesas e conseguir “comprar” rapidamente 1 ano de liberdade, e para mim um ano de liberdade são 1600 euros X 12 meses…representam 19200 euros…nada de especial certo?

 

Mas representam um ano de autonomia…e com um ano de retorno adiantado, não se pensa da mesma forma. Deixamos de pensar a curto prazo, deixamos de pensar que este mês precisamos de não sei quantos euros. Começamos a pensar em termos de processo, construir uma máquina que rende sistematicamente X por ano…ou se forem como eu, uma máquina que gera X contactos por mês.

 

Enfim…muda tudo!
A paz de espírito que se ganha depois de se começar a pensar assim, trás tanto prazer como andar literalmente a “torrar” dinheiro 🙂

 

Hoje, mesmo que tenha melhorado o meu estilo de vida, uso sempre em primeiro lugar o dinheiro para comprar tempo de liberdade!
Experimenta!

Investe o teu dinheiro em algo rentável, como um negócio online e depois começa a poupar liberdade.

 

Dizermos que acabámos de “comprar” 3 dias de liberdade é bem mais fixe do que dizermos que poupámos 150 euros! Hehe

 

No entanto é exatamente esse o valor 🙂

 

Se hoje ainda não conseguiste atingir o retorno que gostarias, então este é o melhor momento para começares, porque quanto mais esperares, mais difícil será.

 

Começares agora mesmo depois de leres este artigo, vai motivar-te para começares a comprar os teus dias, meses e anos de liberdade!

 

REGISTA-TE

 

Forte abraço!

Partidas da Vida ou Partidas da Mente?

Em determinados momentos sentimos que a vida nos prega partidos e parece que os alicerces de tudo o que valorizávamos em nosso redor começam a ruir. O próprio brilho do sol parece perder intensidade, as cores das flores já não vibram da mesma forma e tudo parece mais soturno e deprimente.

 

 

Mas será que já paraste para pensar se é realmente a vida que te prega partidas ou se somos nós, com os nossos comportamentos e atitudes que transformamos acontecimentos comuns em algo mais pesado?

 

Esta é uma questão importante e crucial para que possas lidar melhor com os percalços negativos que vão surgindo ao longo do teu quotidiano. Deves deixar de acreditar que todas as derrotas que sofres resultam de um alinhamento cósmico que serve apenas para te prejudicar.

 

O universo não está nem aí!

 

E se a responsabilidade da espiral negativa em que por vezes te encontras for apenas e só da tua responsabilidade, ou melhor da forma como lidas com os obstáculos que vão aparecendo na tua vida?

 

 

Muda a Tua Forma de Lidar Com Os Acontecimentos Negativos

 

 

Ao longo da tua vida pessoal e profissional vais deparar-te com acontecimentos negativos. Isso é algo inevitável, que faz parte da própria existência humana.

 

Irás ter que lidar com a morte de pessoas que te são próximas, com separações e com frustrações profissionais.

 

Mas será que estas situações expressam realmente algo sobre ti e sobre o mundo que te rodeia?

 

A maioria das pessoas acredita piamente que os acontecimentos são responsáveis pelas nossas emoções, que sentimentos como medo, alegria ou tristeza dependem apenas daquilo que nos acontece.

 

Se isto fosse verdade, então não teríamos verdadeiramente controlo sobre as nossas emoções e o conceito de inteligência emocional não faria qualquer sentido.


Para descomplicar um pouco, aquilo que estou a afirmar é que não são os acontecimentos que nos despertam determinadas emoções, mas sim aquilo que pensamos sobre os acontecimentos.

 

E será que esta ideia também se pode aplicar aos acontecimentos mais negativos? Por mais incrível que pareça, a resposta é sim.

 

Até os acontecimentos mais dramáticos e a sua capacidade de interferir com a nossa vida dependem apenas e só do significado que lhes atribuímos e de como os interpretamos.

 

 

As Pessoas Reagem Diferente Perante Acontecimentos Semelhantes

 

Isto explica-nos porque, perante situações semelhantes, as pessoas podem reagir de forma completamente diferentes.

 

Vou ilustrar com um exemplo:

Imagina que numa ida ao restaurante te cruzas com dois antigos colegas de trabalho com quem tinhas uma relação perfeitamente normal e quando te despedes deles, ficas com a impressão de que passaste a ser o tema de conversa entre eles.

Algumas pessoas vão sentir-se desconfortáveis nesta situação e vão acreditar, quase de forma automática, que os seus antigos colegas ficaram a proferir coisas negativas a seu respeito. Talvez tenham ficado a falar daquele erro grave que cometeram um dia. Ou talvez, nunca tenham gostado realmente delas e estejam agora a demonstrar isso mesmo.

Contudo, outras pessoas vão reagir com naturalidade à impressão com que ficaram e vão ficar a pensar que os antigos colegas gostaram de encontrá-las e que por isso ficaram a dizer coisas agradáveis a seu respeito.

 

Tudo depende da perspetiva e da forma como se queira encarar cada acontecimento. Aquilo que nos acontece no nosso quotidiano não tem que condicionar de forma permanente a nossa existência.

 

 

És tu que decides qual a verdadeira importância que cada acontecimento tem na tua vida.

 

 

Agora diz-me uma coisa,

 

Como te sentes em relação a fazeres parte de um projeto que pode mudar a tua vida para sempre?

Como te sentirias se, por tomares hoje mesmo a decisão de te registares aqui, mudasses por completo a tua qualidade de vida e situação económica?

 

Pensa naquilo que vais sentir quando fores livre!

 

 

REGISTA-TE AQUI

Se Acreditares…

Estava aqui a pensar e…

Parece que foi ontem
que percebi isto pela primeira vez…

Foi em Outubro de 2013.

Que tomei a minha decisão.

De ser o meu próprio patrão,
de trabalhar quando quero,
não quando tenho que.

De ter o meu próprio negócio…
…que se adapta a mim…e não
ao contrário.

O dia em que decidi ser livre…
…e nunca mais trabalhar para ninguém!

Foi isso mesmo que fiz!

Cortei os laços com um sistema
defeituoso, onde se ensinam as crianças
a irem à escola, ter boas notas e
arranjarem um emprego.

A verdade é que, para as pessoas que
seguem este modelo, quando chegam
aos 65 anos ou estão mortas ou falidas…

E são biliões de pessoas nesta situação
por este mundo fora…

A boa notícia é que…

Tu não precisas de ser uma delas!

Tu tens escolha!

Tu tens uma opção melhor…

Porque se tens uma ligação à Internet,
um computador e uma GRANDE vontade
de seres livre…

Mereces saber…

Mereces saber que existe um lugar,
um grupo de pessoas, um sistema…

Que te pode proporcionar essa liberdade.

E essas pessoas, que trabalham a partir
de casa, do carro, do parque ou da praia…

São elas que te vão ajudar…somos nós!
Os Lazy Millionaires.

Como Manter uma Organização no Internet Marketing

Imagina…

Teres tempo para ti, tempo para
a tua família, tempo para fazeres
aquilo que mais queres com quem queres…

E ainda…

Ganhares literalmente uma
pipa de massa!

É o que vais encontrar quando
te registares aqui:
http://oliviercorreia.com/c/joinen

Esta é de facto a resposta para
os teus problemas: aqui:
http://oliviercorreia.com/c/joinen

Tem sido assim para milhares de pessoas…

Pode ser assim para ti também…

Se acreditares…em ti!

Forte Abraço!

Olivier

Os 5 Pilares para uma Vida Extraordinária

Todos podemos ter uma vida extraordinária. Esta vida não é apenas reservada aos grandes deste mundo, aos mais influentes e aos mais afortunados.

Seja qual for o teu nível de estudos ou as tuas origens tu também tens a possibilidade de mover montanhas, a capacidade de levar a cabo grandes projetos e de mudares as coisas á tua volta.

Agora, não esperes ganhar a lotaria, teres mais idade ou libertares-te da educação dos teus filhos para teres a vida que queres ter. Decide desde já e começa a colocar em prática numa base diária as estratégias que te vão conduzir a essa vida.


É importante que te apoies nos 5 pilares principais, que os desenvolvas ao longo do tempo, para que todos os teus projetos se realizem e que a tua vida seja extraordinária, principalmente aos teus olhos.

Pilar nº1:

Ter uma visão clara e precisa em função da tua identidade profunda e anunciá-la sob a forma de um projeto.

Para teres uma vida extraordinária é necessário agires, iniciar os teus projetos, sem esperar que os outros decidam isso por ti e sem teres receio que te julguem.

 

Como definir então um projeto que te corresponda e te permita sentires que estás vivo(a) ?

Para começar deves sair da tua visão puramente quotidiana, da tua rotina e questiona-te sobre quais são os teus desejos mais profundos, quais são as áreas que te apaixonam, qual é a atividade que te dá mais prazer. Neste estádio não te preocupes com as tuas circunstâncias atuais, sob risco de te autolimitares.

A partir dos teus desejos profundos, vais definir um objetivo. Este objetivo estará então perfeitamente adequado com a tua personalidade e ancorado à tua identidade profunda.

Porque é isto importante?

Porque quando ages de acordo com a tua personalidade profunda, desenvolves uma visão clara e precisa daquilo que queres atingir na vida.

 

Agora deves escolher um projeto que sirva os teus objetivos. Um projeto que te vai permitir agir sobre os teus desejos e sobre aquilo que queres para ti.

No meu caso escolhi este: O MEU PROJETO

Podes optar pelo mesmo, ou podes usar qualquer outro que te seja favorável e aches que te vá servir de veículo.

De seguida, anuncia o teu projeto sob a forma de uma frase curta, positiva, esta servir-te-á de guia ao longo das tuas ações.

Agora que já definiste o teu projeto, deves agir para que este se realize.

Eis a estratégia que te proponho…

Pilar nº2:

Definir uma estratégia sob a forma de vários objetivos


A tua visão é o fio condutor. Vais dividi-lo em objetivos a longo prazo, ou seja num horizonte de um ano. Depois este objetivo de 1 ano vais decompô-lo por sua vez em objetivos a médio prazo (3-4 meses). E por fim divides os objetivos a medio prazo em objetivos a curto prazo (3-4 semanas).

Para que o teu projeto avance é absolutamente necessário teres ações concretas sobre as quais possas agir, estas ações são os objetivos a curto prazo. Tais como fazeres o teu registo AQUI para teres acesso ao veículo que te vai permitir atingires os teus objetivos a médio prazo.

Uma vez que tenhas atingido todos os objetivos a curto prazo (as démarches necessárias para começares). Vais começar a aproximares-te dos objetivos a médio prazo (que podem ser por exemplo adquirir certas competências). Assim depois de atingires um desses objetivos a médio prazo, estarás cada vez mais perto do teu objetivo final!

Simples não?

 

(Se queres saber mais sobre definir objetivos podes ver AQUI)

Com esta estratégia, vais agir sobre o quotidiano para o teu projeto de vida. No entanto, um dos grandes obstáculos com que as pessoas por vezes se deparam é a falta de motivação contínua.

Pilar nº3:

Colocar em prática hábitos de vida para estar motivado no quotidiano e a longo prazo.

Esta motivação acontece através de se colocar em prática hábitos de vida.

E como se cria?

Primeiro deves definir quais os hábitos que precisas para que o teu projeto avance. Pode ser por exemplo escrever um artigo por dia no teu blog se desejares viver da Internet e seres financeiramente livre, ou ainda treinares todos os dias para participares de uma maratona.

 

Sugiro-te ainda que pratiques este novo hábito durante 30 dias a fio, por forma a mecanizares esta ação até se tornar natural para ti.

Os hábitos de vida permitem lutar contra as quebras de motivação e a procrastinação. Agem como potentes lembretes da mente.

A motivação é não só um fator interno, mas pode igualmente ser aniquilada por acontecimentos externos ou pessoas. Daí a importância de te rodeares das pessoas certas.

Pilar nº4:

 

Constituir um círculo social que te puxa para cima e te ajuda a tingires os teus objetivos.

O teu círculo social deve ser um trunfo a teu favor para avançares no teu projeto de vida. Se te rodeias de pessoas pessimistas ou negativas, vais tu também perder confiança e até tentares convencer-te que o teu projeto não é exequível.

Ao contrário disso, as pessoas positivas, alegres, que já têm o sucesso que procuras na realização do teu objetivo de vida, vão envolver-te com a sua motivação e até ajudar-te a ires avante na realização dos teus objetivos.

Rodeia-te destas pessoas. Se não tens ninguém assim no teu círculo, desenvolve novas conexões, foi o que eu fiz com o meu grupo de trabalho. Vais literalmente beber otimismo e dinamismo!

Acredita no que te digo…vale a pena!


Pilar nº5:

Passa à ação no quotidiano fazendo várias pequenas tarefas, em vez de o fazeres raramente numa tarefa maior.

Por fim, um conselho que queria partilhar contigo hoje, é que deves tomar ação nem que seja um pouco todos os dias em vez de tomares uma grande ação apenas de vez em quando.

Porquê?

Começas um projeto, estás completamente entusiasmado(a), lanças-te de corpo e alma. Depois, vem o primeiro grão de areia, começas a duvidar de ti e abandonas.

A boa estratégia, não é lançares-te numa tarefa quase impossível para ti por enquanto, que ainda não tens as competências todas necessárias. Deves inicialmente agir sobre as pequenas ações simples, concretas e fáceis de realizar.

Por isso te falei antes de teres diferentes pequenos objetivos, para depois chegares aos médios e por último ao principal. Só assim terás uma estrutura coerente: sabes que tal ação, por mais pequena que seja corresponde a tal objetivo.

As pequenas tarefas não te fazem desencorajar e a sua acumulação permite realizar grandes feitos e de proporcionarem uma vida extraordinária, aquela vida que tu vais construir, que te vai dar a liberdade que tanto queres, seguindo os teus desejos mais profundos.

Mete ação agora!

Começa hoje o teu maior sonho!

Abraço amigo(a)

Olivier

10 Momentos Onde Podes Passar Tempo de Qualidade em Família

Passar tempo de qualidade em família pode por vezes averiguar-se “complicado” se estivermos sempre à espera do “momento perfeito”.

Na verdade é bem simples. Hoje vou partilhar contigo 10 desses momentos, que acho particularmente fantásticos.

 

1 – À mesa – Muitos te dirão que à mesa é para comer, à mesa não se fala…eu digo que isso é um disparate enorme. Com os meus 43 verões continuo a sentir-me um “puto grande” e é muitas vezes à mesa que brincamos e falamos.

Assim que nos sentamos os cinco á mesa, as minhas duas filhas, o meu filho, a minha esposa e eu, a fagulha dá logo o mote (a fagulha é a minha filha mais nova de 8 anos).

– Vamos fazer um jogo? Hoje vamos jogar ao jogo dos animais. Vou pensar num animal e vocês fazem perguntas e tentam adivinhar qual é esse animal.

E assim passamos a refeição toda a tentar adivinhar o animal em que ela pensou. A quem descobrir cabe-lhe por sua vez pensar noutro animal.

Pode parecer simples, mas dá origem a grandes debates…imagina quando a fagulha pensa num dragão de comodo…cor-de-rosa.

 

10 Momentos Onde Podes Passar Tempo de Qualidade em Família
10 Momentos Onde Podes Passar Tempo de Qualidade em Família

 

 

2 – Ao deitar – O deitar é simplesmente maravilhoso, os miúdos e a minha esposa deitam-se cedo, mas gostam de passar aqueles momentos a que chamamos “estar na madorna”, aquela horita em que todos estão na cama de todos, a rir, a contar piadas, a falar sobre trivialidades ou até a cantar o “hakuna matata” do Rei Leão. É um momento perfeito para os mimos, os beijos e os carinhos. É o momento pijama e é delicioso!

 

10 Momentos Onde Podes Passar Tempo de Qualidade em Família
10 Momentos Onde Podes Passar Tempo de Qualidade em Família

 

 3 – Ao pequeno-almoço – Este é um momento que acontece mais ao fim de semana, pelo menos na minha “Super Família” 
No fim-de-semana gosto de me levantar cedo, pois sou Internet Marketer de profissão, o que quer dizer que durante a semana fico acordado até tarde a trabalhar naquilo que gosto e me levanto tarde, quando os miúdos e a minha esposa já foram para a escola, literalmente…pois a minha esposa é professora.

Então no fim-de-semana, levanto-me bem cedo, vou comprar pão, vou até ao mercado comprar fruta e hortaliças e quando chego a casa ainda está tudo a dormir. Muitas vezes faço uma iguaria de pequeno-almoço, as benditas fatias douradas com açúcar e canela. Assim que as meto ao lume começam a acordar…como nos desenhos animados…vêm a flutuar atrás do cheiro.

É maravilhoso vê-los a chegar à cozinha e regalarem-se.

 

10 Momentos Onde Podes Passar Tempo de Qualidade em Família
10 Momentos Onde Podes Passar Tempo de Qualidade em Família

 

 4 – Enquanto cozinho – Adoro cozinhar! Uma cozinha bem arrumada, tudo à mão e os utensílios certos, fazem a minha praia. Quem se chega mais perto é a “fagulha”.
– Pai, ensina-me lá a fazer outro prato hoje.

E lá vamos nós para mais uma hora de cozinha. A Fagulha faz tudo, descasca alhos, cebolas, lava os coentros, mete o azeite para o refogado, corta as batatas, etc…

São momentos de pura diversão!

Depois tem o seu “momento de recompensa”, quando ao jantar digo:

– Hoje quem fez o jantar foi a Beatriz! Que tal está?

 

10 Momentos Onde Podes Passar Tempo de Qualidade em Família
10 Momentos Onde Podes Passar Tempo de Qualidade em Família

 

5 – Quando se espera – Como trabalho a partir de casa, ou a partir de qualquer lugar onde tenha uma ligação á Internet, muitas destas tarefas cabem-me a mim. Seja uma ida ao dentista, uma reunião na escola, ou qualquer outra coisa que implique uma atividade monitorizada pelos pais.

Nunca perco numa ocasião destas. Enquanto vejo os outros pais “enfadados” ou minimamente aborrecidos porque tiveram que faltar ao trabalho para acompanhar os filhos, usufruir da companhia deles.

Seja quando a fagulha me tira o iPhone do bolso para jogar Dragon City, seja quando um deles me diz que está na hora de um “pequeno-almoço reforçado”.  É sempre uma excelente ocasião para uma boa conversa, seja para falar de um assunto que os esteja a “melindrar”,  seja para falar sobre o filme que viram na véspera.

10 Momentos Onde Podes Passar Tempo de Qualidade em Família
10 Momentos Onde Podes Passar Tempo de Qualidade em Família

 

 

 6 – Na Internet – A maioria das pessoas dirão que todos nós passamos demasiado tempo na Internet, e é aí que eu passo praticamente todo o meu dia, não fosse eu um Internet Marketer de profissão. É natural que quando as crianças chegam da escola queiram descontrair, ir até ao Facebook, jogar um jogo, etc..

Mas aquilo que tenho feito, aproveitando-me no bom sentido das minhas competências é ajudá-los. Sempre que há qualquer coisa que não sabem ou não conseguem resolver na Internet chamam o pai, seja uma configuração, seja uma definição, qualquer coisa que os esteja a “estorvar”, e isto acontece com frequência.

É um momento em que aproveito logo para monitorizar aquilo que fazem e por onde andam “online”. Acabo por lhes explicar como devem fazer para corrigirem aquilo que estava a acontecer, e é mais um bom tempo que passo com cada um deles.

 

10 Momentos Onde Podes Passar Tempo de Qualidade em Família
10 Momentos Onde Podes Passar Tempo de Qualidade em Família

 

7 – Durante os trabalhos de casa – Até as crianças que fazem os seus deveres sozinhos apreciam o interesse que demonstramos. A minha maior dificuldade neste campo é sem dúvida com a minha filha mais velha, que tem 23 anos e está a fazer um mestrado em engenharia das energias renováveis. Quando me apresenta a matemática fico logo assim “às aranhas”. No entanto tenho algo de bom para partilhar. Pela idade que tenho e a profissão que exerço, se há algo que sei fazer bem online são pesquisas, obter fontes, interagir num fórum com esta ou aquela pessoa por forma a obter aquilo que procuro, chegar onde muitos não chegam. Esta é uma das vantagens que me traz a minha profissão.

 

10 Momentos Onde Podes Passar Tempo de Qualidade em Família
10 Momentos Onde Podes Passar Tempo de Qualidade em Família

 

8 – Só porque me apetece – Há dias daqueles…onde estamos cansados, onde nada parece que está bem, onde achas que poderias ter feito mais…e nesses dias…Os Filhos!

Os filhos são o “descanso do guerreiro”, onde só por me agarrar a um deles faz o meu dia valer a pena. Este é outro momento de qualidade que eu escolho sempre que me apetece! 

10 Momentos Onde Podes Passar Tempo de Qualidade em Família
10 Momentos Onde Podes Passar Tempo de Qualidade em Família

(podia morrer a olhar para esta foto que morria feliz!)

 

 9 – Marcar na agenda – Qualquer criança ou adolescente se sente importante quando tem um encontro marcado com um adulto. Mais ainda mais se esse adulto for o pai. Esta técnica é simplesmente maravilhosa no que toca a passar momentos de qualidade com qualquer um dos meus filhos. O facto de estar “marcado na agenda”, significa “importância”, e qualquer Ser Humano se sente importante quando alguém marcou previamente um tempo para passar com ele (ou ela).

10 Momentos Onde Podes Passar Tempo de Qualidade em Família
10 Momentos Onde Podes Passar Tempo de Qualidade em Família

Este “tempo marcado”, vai averiguar-se ser super importante para qualquer adolescente ou criança, é o tempo em que um adulto precisou de estar com ele.

 

 10 – Os mimos – As crianças e adolescentes precisam de mimos (o que estou eu a dizer…até eu preciso!). Claro que com os adolescentes isto não pode ser em público, sob pena de os embaraçar junto dos amigos (vá-se lá saber porquê). Mas em casa experimenta! É maravilhoso…cada minuto a dar e receber mimos dos miúdos equivale a horas. A minha fagulha “até se pela” e reclama por mimos, e eu aproveito cada momento.

 

10 Momentos Onde Podes Passar Tempo de Qualidade em Família
10 Momentos Onde Podes Passar Tempo de Qualidade em Família

 

A ideia é passar o máximo de tempo possível com os filhos, interagir, brincar come eles, conversar…em suma, vê-los crescer!

Este foi o grande motivo por eu ter escolhido a indústria do trabalho a partir de casa. O Internet Marketing permite-me estar em casa, fazer os meus horários e passar todo o tempo do mundo com os meus filhos!

 

Esta realidade pode ser tua!

Forte Abraço!

 

O sonho reforça o sucesso

Sonhar com um futuro melhor não te garante nada, mas é aquilo que mais te fortalece a fim de enfrentares as adversidades do dia a dia.

Sonhar com um futuro melhor não te garante nada, mas é aquilo que mais te fortalece a fim de enfrentares as adversidades do dia a dia.

O realista, aquele que apenas vive do que é concreto, vivendo um dia de cada vez, vai cansar-se a longo prazo.

 

Vai faltar-lhe o “empurrão” do sonho e por isso não terá forças para prosseguir, sucumbindo ás adversidades, transformando-se assim em “mais um” na multidão.

 

Eu melhor que ninguém sei disso, em alturas da minha vida fui “obrigado” a viver um dia de cada vez.

 

Não condeno quem o faça, mas sugiro fortemente que se viva um dia de cada vez, (a quem tenha que o fazer) que o viva com um sonho, sempre com um sonho!

 

O mundo está cheio de realistas. Mas precisamos de mais VISIONÁRIOS.

 

Todos os que mudaram o curso da história, primeiro sonharam, depois foram chamados de loucos e em seguida realizaram os seus projetos. Mais tarde, receberam um monte palmadinhas nas costas dos “lambe botas” de plantão.

 

Pensa comigo.

 

Os visionários, depois de revolucionarem, são sempre seguidos pela grande manada de realistas.

 

Óbvio, depois do visionário trazer a existência e criar algo que se tornou um grande sucesso, os realistas passam a conseguir tocar e acreditar naquilo que está bem diante de seus olhos. Mas que mérito tem isso? Muito pouco…

 

O mérito está em “crer pra ver”, isso é privilégio dos visionários, ao invés de “ver pra crer”. Isso, até o ser humano mais medíocre do planeta é capaz de fazer…

 

Então, toma lá um “empurrão” SONHA!

 

Sonha muito e mete a mão na massa com muita garra!

COMO FUNCIONA

a Empower Network é uma empresa de venda direta que comercializa produtos digitais

cursos e ferramentas online quer aprender a trabalhar com Internet

 

COMO FUNCIONA

 

Olá Amigas e Amigos, daqui Olivier Correia da Empower Network.
 

Conforme já to disse em várias ocasiões

trabalho em exclusivo para a Empower Network.
E vou dar-te hoje mais algumas informações.

Muito resumidamente, a Empower Network é uma empresa de venda direta que comercializa produtos digitais, mais propriamente…

…cursos e ferramentas online para quem quer aprender a trabalhar com Internet Marketing e como ter o seu negócio através da internet.

A Linha Completa de Produtos do Empower é:

– Plataforma de Blogging Viral – subscrição mensal de $25 dolares
(este é o primeiro produto para poderes começar)

– Inner Circle (audios) – subscrição mensal de $100 dolares

– Curso Costa Rica Intensive – valor único de $500 dolares

– Curso $15k Formula – valor único de $1000 dolares

– Curso Masters Retreat – valor único de $3500 dolares

Ao te associares à Empower Network, comprando o 1º produto,
tornas-te um cliente da plataforma.

Esta é a única forma de começar!

Para poderes recomendar os produtos que tu próprio tenhas,
enquanto cliente e, ganhar comissões de 100%  sobre a sua venda,
terás então de te tornar um afiliado da plataforma.

Para te tornares um afiliado e teres o teu próprio sistema de pagamentos
e recebimentos pagas uma taxa mensal de $19,95 dolares.

Tendo produtos para vender e sendo um afiliado, estás então
habilitado a ganhar 100% de comissão sobre as vendas e ter o
teu próprio negócio na internet, trabalhando a partir de casa.

Até aqui, entendido? Ótimo!

 

Agora vem a parte mais interessante.

O teu trabalho não é fazer as vendas!

O teu trabalho é encontrar pessoas interessadas nos produtos e no negócio!

Porque a Empower em associação com os Lazy Millionaires
(a equipa de lingua portuguesa à qual pertenço) têm todo o sistema de internet marketing já montado composto por:

– Páginas de captura de contactos
– Páginas de venda automatica
– Acesso a sequências pre-feitas de emails para seguimento dos contactos
– Formação a todos os níveis, todos os dias da semana
– Acesso ao suporte online (3 pessoas para te servirem)
– Todas as perguntas respondidas
– Todas as ferramentas de negócio

E como fazes para encontrar pessoas?

É isso que vais aprender com os produtos do Empower

Lembra-te!

A Empower é uma “Universidade Online”de Internet Marketing,
com Treino de Topo, feito não por teóricos. mas por pessoas que
ensinam aquilo que eles fazem e com resultados acima da média.

Quando se trata de aprender uma nova profissão para construir
uma nova carreira, há que aprender com os melhores dos melhores.

Concordas comigo? Ótimo!
 

Aqui seguem os teus próximos passos

 
para entenderes todo este projecto em detalhe e como podes aproveitar esta oportunidade para iniciares o teu próprio negócio na internet a partir de casa.

1º Passo – Ver este vídeo para conheceres bem os produtos e sistema de comissionamento do Empower.

 
2º Passo – Ver este video  com a explicação do modelo de negócio. 
O que é que é preciso fazeres, e o que o Sistema Lazy Millionaire faz contigo e por ti.

 
3º Passo – Consulta também atentamente a página de perguntas frequentes
Link: AQUI

4º Passo – Fazer o registo no Empower Network e começar a trabalhar com a equipa
(instruções de preenchimento em português,  AQUI)
 
  
Vejo-te cá dentro
Um grande Abraço

Olivier Correia

 

Os prazeres da riqueza e da grandeza…

Agora deixa-me apresentar-te o negócio da Empower network
Se comprares os produtos todos da Empower Network tens que investir:

5.500 Dólares (cerca de 4.000

Os prazeres da riqueza e da grandezafalam à imaginação como algo grandioso, e belo, e nobre, para a obtenção do qual valem a pena todo o trabalho e ansiedade que tão aptos somos a pôr nele…É esta ilusão que alimenta e mantém em constante movimento a indústria da humanidade.

 

Foi isto que pela primeira vez a levou a cultivar o solo e a construir casas, a fundar cidades e comunidades e a inventar e melhorar todas as ciências e artes que embelezam e enobrecem a vida humana; que mudaram tão completamente toda a face do globo, tornaram as rudes florestas da natureza em agradáveis e férteis planícies, e fizeram do enorme e hostil oceano um novo fundo de subsistência, e a grande estrada de comunicação entre as várias nações da Terra.

 

Em suma, a produção de riqueza não torna necessariamente os indivíduos felizes (ou torna apenas uns poucos, visto que na nossa sociedade muitos trabalham para esses mesmos poucos, não sendo a nossa riqueza gerada distribuída equitativamente), mas serve as necessidades de uma pseudo estável sociedade, a qual serve de rede para a propagação de crenças ilusórias sobre felicidade e riqueza.

 

Mas…hoje não precisamos de viajar 2 meses de barco para chegar á India, nem sequer precisamos de 12 horas de avião para tal. Vivemos numa sociedade fractal, vivemos numa sociedade onde todo o globo está alcançável, como que se dobrássemos uma folha de papel e juntássemos os 2 polos terrestres.

 

É muito provável, que hoje em dia o teu vizinho mais próximo seja culturalmente mais diferente que tu que alguém do outro lado do mundo.

E o que quero eu dizer com isto?

 

Bem é simples, muitos trabalham para poucos, esses muitos geram riqueza para esses poucos, e os mesmos poucos vivem na ilusão de que se trabalharem muito acabarão por enriquecer, satisfazer as necessidades das suas famílias por completo e serem felizes.

 

FALSO!

 

Nunca aconteceu, nem acontecerá. No entanto e por vivermos numa sociedade fractal, temos uma tremenda vantagem, temos até mais vantagem do que os tais poucos que exploram os muitos. Já de nada lhes servem os milhões que têm, para investirem em grandes infraestruturas, frotas de transportes e em tudo aquilo que os tais muitos nunca puderam fazer.

 

Hoje o nosso mercado, não é a nossa cidade, nem o nosso distrito, nem sequer o nosso país ou continente, é o Planeta!

 

É por isso que esta nossa nobre profissão de Internet Marketer tem um potencial tão grande, e a única coisa que precisamos de ter para investir, não são milhões, não são milhares de empregados nem frotas de transportes gigantescas. O que precisamos é apenas de imaginação, criatividade e vontade de aprender.

 

Pensa comigo:

Queres abrir uma loja, vamos supor, de equipamento informático, numa galeria comercial de um hipermercado, onde o teu nicho representa em média 1% dos clientes desse mesmo hipermercado (estas estatísticas são reais).

Agora, nessa mesma galeria comercial, tens lá o espaço para montares a tua loja, vamos dizer que tens 25 metros quadrados de loja.

 

Vais meter um chão flutuante, uns painéis de madeira “bonitinhos” nas paredes, que vão sustentar as prateleiras com o material que vendes, uma boa iluminação para a montra, com uns espetaculares projetores de halogéneo que vão dar uma vista incrível às prateleiras dessa mesma montra, prateleiras essas em vidro temperado e bem grossas, suportadas por uns lindos cabos em aço prateado, para que possam sustentar o peso dos computadores que lá vais expor.

 

Depois disso um mini armazém para o teu stock, nem é assim tão caro quanto isso, feito em pladur, pintado de branco com uma porta de foles, e para colmatar uma enorme porta, também esta em vidro grosso temperado e fosco a 1 metro do chão.

 

Uma boa bancada de trabalho, com as respetivas ligações elétricas, tomadas de rede, etc… e todo o imobilizado corpóreo inerente ao negócio, uma secretária, umas cadeiras, um computador para instalares o teu programa de gestão e faturação, um servidor para alojares o site da loja e fazeres uns “trabalhinhos”, umas conversões de vídeo, uns websites, alojar o software que precisas para arranjar as máquinas que te trazem para o efeito.

 

E obviamente todas as ferramentas de trabalho. A juntar a isto tens ainda o custo da abertura da sociedade seja ela Limitada ao capital social ou com qualquer outra denominação social.

 

Aqui tens um investimento de cerca de 50.000 euros (cerca de 67.000 dólares ou 152.000 reais).

Depois o stock, sim porque como se diz no comércio tradicional, quem não tem não vende.

Assim para este negócio, e supondo que vais ser tu a montar os computadores, conta no mínimo com 20.000 euros (cerca de 27.000 dólares ou 61.000 reais)

 

Agora as despesas fixas mensais:

Eletricidade – 300 euros (cerca de 400 dólares ou 915 reais)

Água – 30 euros (cerca de 40 dólares ou 92 reais)

Internet e telefone – 100 euros (cerca de 134 dólares ou 305 reias)

Renda da Loja – 1.500 euros (cerca de 2.000 dólares ou 4.500 reais)

Ordenado de no mínimo um colaborador (mal pago) já com as contribuições ao estado – 1.000 euros (cerca de 1.345 dólares ou 3.000 reais)

E o teu próprio ordenado também já com as contribuições – 2.000 euros (cerca de 2.700 dólares ou 6.000 reais)

 

Então feitas as contas temos:

Investimento = 70.000 euros (cerca de 94.000 dólares ou 213.300 reais)

Despesas fixas mensais = 4.930 euros (cerca de 6.600 dólares ou 15.000 reais)

 

ATENÇÃO: 40% do teu lucro pertence ao Estado (pelo menos aqui em Portugal)

 

Sabes porque conheço tão bem estes numeros?

Porque foi o que gastei, neste mesmo negócio que te estou a dar de exemplo…e perdi tudo!

 

Agora deixa-me apresentar-te o negócio da Empower Network (vais-te rir) 🙂

 

Se comprares os produtos todos da Empower Network tens que investir:

 

5.500 Dólares (cerca de 4.000 euros ou 12.400 reais)

Se comprares as subscrições mensais todas da Empower network gastas mensalmente ($25 para o blog + $19 para o sistema de afiliados + $100 para o curso mensal do inercircle) – 144 dólares (cerca de 105 euros ou 325 reais)

 

Agora diz-me tu, uma loja de informática?

 

Investimento = 70.000 euros (cerca de 94.000 dólares ou 213.300 reais)

Despesas fixas mensais = 4.930 euros (cerca de 6.600 dólares ou 15.000 reais)

A ganhares por ano 12.000 euros (cerca de 16.000 dólares ou 36.500 reais)

 

Ou EMPOWER NETWORK?

 

Investimento = 5.500 Dólares (cerca de 4.000 euros ou 12.400 reais)

Despesas fixas mensais = 144 dólares (cerca de 105 euros ou 325 reais)

A ganhares 360.000 Dólares por ano (cerca de 268.000 euros ou 817.200 reais)

 

É preciso ser-se cientista?, ter um doutoramento em ciências económicas e financeiras?  

 

Não me parece.

 

Agora que já percebeste como ganhar dinheiro está na hora de agires pois sei que a decisão já a tomaste!

ESTÁS NO SITIO CERTO, NO LOCAL CERTO E NA HORA CERTA

Regista-te aqui

Instruções de registo em português aqui

 

De seguida adiciona-ma no Skype para poderermos falar e traçar o teu plano de ação para que possas começar a ganhar dinheiro a sério!

O meu skype (oliviercorreia1)

Se ainda não recebes emails meus insere o teu melhor email aqui